Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo – Jornal O Mossoroense
terça-feira , 26 de março de 2019
Home / Opinião / Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo
foto 01

Reflexões Teológicas – Ricardo Alfredo

PENSAMENTO I

“Neste mundo, há tanta gente que não aprendeu a amar… Por isso, machucam os outros”. (Escritor: Ricardo Alfredo)

A ESPIRITUALIDADE QUE LIBERTA

Vivendo numa geração da comunicação instantânea, que a cada momento há uma novidade, tanto no mundo secular como na ideia do mundo espiritual, o mundo vem se perdendo a cada dia em busca de uma forma de se chegar com método e dogmas ao crescimento espiritual, para preencher o vazio existencial. E mediante a essa busca, a espiritualidade tornou-se algo descartável, fácil e rápido, especialidades que nada tem a ver com a formação de uma consciência espiritual.

Compreender a espiritualidade e nela desenvolver um caminho, não é tão fácil como se apregoa, assim como também não é uma fase, ou mesmo uma moda que chega e passa.

Quando analisamos o termo espiritualidade, principalmente em latim, tem o significado “spiritus”, que significa respiração ou sopro. Ou seja, há um sopro de vida que anima a matéria.

É fácil encontramos pessoas que foram despertadas para o mundo espiritual ou mesmo a sua espiritualidade quando se encontraram em debilidade física ou mesmo emocional.

De uma forma ou de outra, essa busca traz uma ressignificação de vida e na maioria dos casos, traz consigo um equilíbrio emocional notável, o qual é um beneficio tanto no mundo espiritual e secular.

A busca da compreensão da espiritualidade e sua relação a igreja atual (instituição), dia a dia, vem mudando o verdadeiro sentido da palavra e a própria essência da espiritualidade. O homem é uma criação de Deus, e foi feito do pó da terra, sendo a semelhança de Deus, (aceitado ou não a ciência). E assim, este homem se encontrou entre dois mundos, o carnal, que vivência do material e de sobrevivência; e o espiritual, que é alegria interior de saber que é eterno. E é justamente deste conflito interior, que chamamos de guerra intima, que surge a sede da presença de Deus e a lutar contra constante contra seu eu primitivo.

Em sua natureza carnal, humana, o ser humano deseja: sexo, comida, vestimenta e os prazeres desta vida. Todavia, na criação, Deus colocou a centelha da eternidade, que é um sentimento da visão eterna, por isso choramos quando alguém parte, pois, no mais íntimo sabermos que não fomos feitos para morrer. Contudo, é justamente nesta partida que encontramos descanso e a paz na presença do eterno, (Deus). Por outro lado, também é possível encontramos paz na vida terrena a partir do momento que somos capazes de deixar de lado, o eu, a visão puramente materialista, e compreendemos que somos apenas passageiros de um trem em alta velocidade. Do qual o seu conduto, o justo Juiz, no ponto final lhe cobrar todo o valor da jornada.

As necessidades materiais são humanas. O próprio mestre (Senhor de todas as coisas) passou quando foi testado no deserto. Quando Ele se fez carne e habitou entre nós, percebeu a justa porção de ser um ser humano, com limitações e desejos. Entretanto, mostrou que é possível ter uma vida real e espiritual, vencedor o desejo inerente ao ser humano. Sua resposta, a necessidade daquele momento, foi profunda e divisora da vida carnal e espiritual: “Não só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus” (Mateus 4:4).

Esta expressão inclui todos os seres humanos, e todas as possibilidades de escolha diante de um mundo de prazeres. Seu alerta ainda ecoa no espaço: “Vigiai e orai … o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca” (Mateus 26:41). Esta fraqueza, carnal, é inerente ao desejo sistemático e não apenas biológico o que indica que o sistema mundano nos prendeu com seus grilhões, e dos quais serão possível sair e ser livre, se através a verdade que liberta, a qual é chamada Cristo, encontrar guarita no coração (razão).

O mais completo teólogo de todos os tempos, o apóstolo Paulo, ao escreve a sua carta aos coríntios, ele disse: “a espirituais, e sim como a carnais, como a crianças em Cristo” (1 Coríntios 3:1).

Para o apóstolo, a espiritualidade não era apenas uma parte da existência, mais era um alicerce para a avida e o desenvolvimento humano na capacidade de contemplar, ou seja, ser capaz de mergulhar no sentido de conhecer a si mesmo como ser humano, com uma centelha divina, a qual supera as superficialidades da vida.

Na caminhada deste desenvolvimento espiritual, a oração é o enraizamento na fonte que é Deus.

Outro teólogo de profundo conhecimento foi Tertuliano que em seus livros teceu o seguinte comentário sobre oração com desenvolvimento espiritual: “Nos tempos passados, a oração livrava do fogo, das feras e da fome. Agora, a oração cristã não faz descer o orvalho sobre as chamas ou fechar a boca de leões, nem impede o sofrimento. Mas, certamente, vem em auxílio dos que suportam a dor com paciência, afasta as tentações, faz cessar as perseguições, reconforta os de ânimo abatido, enche de alegria os generosos, acalma tempestades, detém ladrões, levanta os que caíram, sustenta os que vacilam e confirma os que estão de pé”.

Ela, a oração, é o meio que possibilita o ser humano conhecer o seu próprio deserto e experimentar sua condição de dependente de Deus. E essa dependência gera uma vida equilibrada tanto no mundo espiritual com no mundo físico.

Portanto, a vivência espiritual, ou seja, a espiritualidade tem uma relação direta com a vivência cotidiana e não só com a teoria.

 

MEMÓRIAS ATUAIS

 

foto 01

 

Foi um dos maiores debates sobre a vida e obra de Rui Barbosa. Os debatedores formaram: Dr. Breno, Juiz de direito; Geraldo Maia, historiador e escritor; Ricardo Alfredo.

Como é espetacular ouvir mentes brilhantes e capazes de traduzir os aspectos da história e da vida de forma fácil e inteligente. Marcou a história da ACJUS.

ACJUS – Academia de ciências jurídicas de Mossoró

 

foto 02

 

Existem seres humanos, que aprenderam a ser humano, generoso, amigo de todas as horas e de uma facilidade para dizer coisas boas e inteligentes nos momentos difíceis da vida. Sempre que o encontro nas reuniões da ACJUS sinto a alegria de rever alguém que é meu amigo. Edilson Gonzaga Júnior, é uma honra sabe que você é meu amigo.

 

ACONTECEU…

1- ORAÇÃO –  “Uma pessoa ocupada demais para orar não consegue ter uma vida devota a Deus”, diz pastor;;

2- CRISE NA VENEZUELA – “Igreja precisa tomar as ruas, interceder, ajoelhar-se”, diz pastor venezuelano;

3- FIM DOS TEMPOS –  Muitas personalidades influentes podem ser falsos profetas dos tempos atuais, diz pastor;

4- CRESCIMENTO EVANGÉLICO –  Igrejas africanas em Londres recebem cerca de 20 mil pessoas aos domingos

5- CÂMARA DOS DEPUTADOS –  Projeto de lei visa tornar a Bíblia patrimônio nacional;

6- RESPOSTA DE ORAÇÕES –  Igreja encerra vigília de três meses para proteger família de deportação;

7- CASA BRANCA – “Deus quis que Trump se tornasse presidente”, diz porta-voz da Casa Branca;

8- PÚLPITO – Pastores sentem-se limitados para abordar questões polêmicas na igreja, diz pesquisa. (Fonte: gospelprime)

 

ÚLTIMOS DIAS

 

foto 03
Bomba nuclear. (Foto: Romolo Tavani/iStock)

 

PUBLICIDADE

 

Um dos principais jornais do mundo, o jornal Daily Express da Inglaterra, ultimamente, vem se dedicando a lançar uma página inteira sobre a guerra mundial final. Essa sessão especial de noticias sobre a 3ª Guerra Mundial faz uma correlação entre os últimos acontecimentos que envolvem a Rússia, Irã, China e Coreia do Norte. Quem fez a observação foi à agência internacional de notícias Sputinik News.

Quando se vasculha as informações publicas neste jornal, encontramos uma orientação para o “lugar mais seguro” para escapar da radiação, em caso de guerra nuclear. Essa notícia saiu logo após os Estados Unidos cogitarem a saída do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF – sigla em inglês). (Fonte: New)

 

CAMPANHA DE ORAÇÃO

Sempre é de boa escolha orar. É dessa forma é que a comunicação com o Deus eterno nos leva a ser mais humilde e mais capacitado.
Sempre é de boa escolha orar. É dessa forma é que a comunicação com o Deus eterno nos leva a ser mais humilde e mais capacitado.

 

CONSELHO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DA CGADB REALIZOU 4º ENCONTRO NACIONAL DE EDUCADORES CRISTÃOS

Foto: CGADB
Foto: CGADB

 

Ocorreu  o encontro do Conselho de Educação e Cultura da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CEC-CGADB), que é presidido pelo pastor Douglas Roberto de Almeida Baptista, no último sábado, dia 09, no auditório de práticas jurídicas da FAECAD – Faculdade Evangélica das Assembleias de Deus o seu 4º Encontro Nacional de Educadores Cristãos.

Sob a direção da Mesa Diretora, que é presidida pelo pastor Wellington Junior, o evento reuniu diretores acadêmicos e de instituições teológicas das ADs em diversas regiões do país. (fonte: JM Notícia)

 

PENSAMENTO II

“E Deus Criou o homem para dizer o que sente, e não palavras de quem sempre está de joelhos. Pois, o homem, se não tem a si mesmo, ele não tem nada”. (Escritor: Ricardo Alfredo).

 

DISNEY ANUNCIA QUE FARÁ PRIMEIRA PARADA LGBTQ

Através dos seus meios de comunicação a empresa Disney publicou que realizará um evento oficial como codinome “Magical Pride”. De modo geral é semelhante a parada LGBT realizada no Brasil. A programação oficial já foi lançada e o evento será realizada no Disneyland Paris no dia 1º de junho de 2019.

 

DISNEY ANUNCIA QUE FARÁ PRIMEIRA PARADA LGBTQ

Através dos seus meios de comunicação a empresa Disney publicou que realizará um evento oficial como codinome “Magical Pride”. De modo geral é semelhante a parada LGBT realizada no Brasil. A programação oficial já foi lançada e o evento será realizada no Disneyland Paris no dia 1º de junho de 2019.

 

PENSAMENTO III

“O homem sábio, compreende que a última palavra é de Deus”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

 

RÁPIDAS DA SEMANA – política

1- Bolsonaro concede indulto aos presos com doenças graves ou em estado terminal;

2- Falas de Mourão sobre Israel e aborto incomodam políticos e líderes evangélicos;

3- Ministro da Saúde denuncia tráfico de drogas em aviões do SUS;

4- EUA comparam Maduro com Stalin, Hussein e Mussolini

5- Alvo de investigação na Receita, Gilmar Mendes aponta “abuso de poder”. (Fonte: gospelprime)

ALVO DE INVESTIGAÇÃO NA RECEITA, GILMAR MENDES APONTA “ABUSO DE PODER”.

Questão entre aberta: em ampla divulgação nas mídias, os Servidores da Receita serão investigados por divulgar relatório sobre o ministro.

Um dos principais ministros do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, assim como a sua esposa a senhora Guiomar, estão sendo investigados pela Receita Federal por “focos de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência”.

De acordo como relatório, a esposa do ministro teria declarado, segundo a Receita, dividendos ou lucros de um escritório de advocacia não registrados pela empresa.

Se dizendo surpreso com a investigação, o Ministro Mendes teria recorrido ao presidente do STF, Dias Toffoli, para cobrar investigação contra os fiscais que estariam “fazendo ilações” contra ele sem “quaisquer fatos concretos”. (Fonte: gospel)

 

DAS MAIS BELAS CANÇÕES CRISTÃS

Alma cansada (Intérprete: Jair Pires)

 

Alma cansada não desespere

Espera em Deus que Ele vêm

Que Ele vem te socorrer

Alma cansada não desespere

Espera em Deus, espera em Deus

Espera em Deus e no seu poder

 

Oh, alma cansada

Espera em Deus e no seu amor

Vem, alma cansada

Espera em Deus

Confia somente no seu amor

 

Alma cansada, o teu lamento

Não resolverá

A hora é triste, com fé insiste

Deus te ouvirá

Se teus momentos

Trazem tormentos que fazem chorar

Deus te chama agora

Oh, vem sem demora em paz descansar.

  

XV – JORNADA CULTURAL

Mossoró – RN tem a felicidade de receber pessoas capacitadas e que se apaixonam pela cidade. Nesta lista está o professor Dr. Benedito Vasconcelos Mendes. Homem de inteligência impa capacidade de articulação e sabedoria a serviço da cultural e do bem da cidade, assim como do estado.   Ao lado de sua esposa a Dr. Susana Goretti vem demonstrando como se deve atual no mundo e cultural e cientifico. Parabéns, bons amigos.

 

PENSAMENTO IV

“Há lembranças contidas no meu coração” (Escritor: Ricardo Alfredo)

 

DISCUSSÃO NO STF SOBRE CONCEDER PRISÃO DOMICILIAR PARA LULA

Corre a boca pequena que os Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) estariam discutindo reservadamente um pedido apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele possa cumprir a pena em prisão domiciliar.

Já com a segunda condenação do ex-presidente, somaram a sua sentença mais de 25 anos, as chances de Lula voltar para casa aumentam.

Com a decisão monocrática da juíza Gabriela Hardt sobre o sítio em Atibaia, ela o condenou a mais 12 anos e 11 meses de prisão. Assim as chances de ter decretada a prisão domiciliar são quase certas. (Fonte: o Estadão)

 

POEMA

CLÁSSICOS DAS POESIAS

Flores Murchas (Patativa do Assaré – Antônio Gonçalves da Silva)

Depois do nosso desejado enlace

Ela dizia, cheia de carinho,

Toda ternura a segredar baixinho:

Deixa, querido, que eu te beije a face

Ah! Se esta vida nunca mais passasse!

Só vejo rosas, sem um só espinho;

Que bela aurora surge em nosso ninho!

Que lindo sonho no meu peito nasce!

E Hoje, a coitada, sem falar de amor,

Em vez daquele natural vigor,

Sofre do tempo o mais cruel carimbo.

E assim vivendo, de mazelas cheias,

Em vez de beijo, sempre me aperreia

Pedindo fumo para o seu cachimbo.

PENSAMENTO V

“O silêncio é a maior expressão da sabedoria”. (Teólogo: Ricardo Alfredo)

 

REFLEXÃO DO DIA

O salmo 31 é uma expressão de fé e de lamentação. É um cântico de louvoe com lamentação.

Salmos31

 

1 Em ti, Senhor, me refugio; nunca permitas que eu seja humilhado; livra-me pela tua justiça.

2 Inclina os teus ouvidos para mim, vem livrar-me depressa! Sê minha rocha de refúgio, uma fortaleza poderosa para me salvar.

3 Sim, tu és a minha rocha e a minha fortaleza; por amor do teu nome, conduze-me e guia-me.

4 Tira-me da armadilha que me prepararam, pois tu és o meu refúgio.

5 Nas tuas mãos entrego o meu espírito; resgata-me, Senhor, Deus da verdade.

6 Odeio aqueles que se apegam a ídolos inúteis; eu, porém, confio no Senhor.

7 Exultarei com grande alegria por teu amor, pois viste a minha aflição e conheceste a angústia da minha alma.

8 Não me entregaste nas mãos dos meus inimigos; deste-me segurança e liberdade.

9 Misericórdia, Senhor! Estou em desespero! A tristeza me consome a vista, o vigor e o apetite.

10 Minha vida é consumida pela angústia, e os meus anos pelo gemido; falta-me a força devido à minha aflição, e os meus ossos se enfraquecem.

11 Por causa de todos os meus adversários, sou motivo de ultraje para os meus vizinhos e de medo para os meus amigos; os que me vêem na rua fogem de mim.

12 Sou esquecido por eles como se estivesse morto; tornei-me como um pote quebrado.

13 Ouço muitos cochicharem a meu respeito; o pavor me domina, pois conspiram contra mim, tramando tirar-me a vida.

14 Mas eu confio em ti, Senhor, e digo: “Tu és o meu Deus”.

15 O meu futuro está nas tuas mãos; livra-me dos meus inimigos e daqueles que me perseguem.

16 Faze o teu rosto resplandecer sobre o teu servo; salva-me por teu amor leal.

17 Não permitas que eu seja humilhado, Senhor, pois tenho clamado a ti; mas que os ímpios sejam humilhados e calados fiquem no Sheol.

18 Sejam emudecidos os seus lábios mentirosos, pois com arrogância e desprezo humilham os justos.

19 Como é grande a tua bondade, que reservaste para aqueles que te temem, e que, à vista dos homens, concedes àqueles que se refugiam em ti!

20 No abrigo da tua presença os escondes das intrigas dos homens; na tua habitação os proteges das línguas acusadoras.

21 Bendito seja o Senhor, pois mostrou o seu maravilhoso amor para comigo quando eu estava numa cidade cercada.

22 Alarmado, eu disse: “Fui excluído da tua presença! ” Contudo, ouviste as minhas súplicas quando clamei a ti por socorro.

23 Amem o Senhor, todos vocês, os seus santos! O Senhor preserva os fiéis, mas aos arrogantes dá o que merecem.

24 Sejam fortes e corajosos, todos vocês que esperam no Senhor!